A doença da alma

danbo

Quando falamos a palavra ‘doença’, associamos rapidamente às doenças que acometem o corpo físico. Entretanto, é possível que a nossa alma também tenha uma doença? É possível ver leves arranhões, feridas abertas, secreções purulentas e fétidas dominando toda a nossa alma?

O diagnóstico de uma doença emocional é facilmente observado através das nossas reações e ações em nossos relacionamentos. Às vezes os sintomas são impositivos, quando despejamos palavras ríspidas, respostas agressivas, acusações; outras vezes eles são anulativos, quando fugimos, nos derramamos em lágrimas, tropeçamos em lamentos e murmurações. O pior deles, é quando oscilamos nossas emoções, ora de forma impositiva, ora de forma anulativa. E quando caímos em si, percebemos que já não sabemos quem somos, já não sabemos quais emoções são saudáveis e legítimas.

Como toda enfermidade, ela só poderá ser cuidada e tratada quando o ‘enfermo’ aceita ajuda, sai da sua condição de negação e autocomiseração, e passa a reconhecer sua enfermidade submetendo-se, então, aos tratamentos necessários.

Comumente, ouvimos falar da depressão como a maior das doenças da alma. Ou melhor, depressão é o câncer da alma. Porém, eu quero atentá-lo aos pequenos arranhões, às gripes e resfriados que sua alma pode adquirir, sejam elas grandes ou pequenas, essas injúrias e pisaduras são as famosas mágoas e ressentimento.

Uma ofensa dita. Um olhar mal encarado. Uma atitude mal interpretada. Uma palavra não dita ou dita da forma errada.

Gota a gota elas vão se somando. Enchendo o recipiente da alma, até que, se não for esvaziado concomitantemente, transborda, inunda, afoga a alma!

300725_214201425312250_1839036216_n_large

E qual a forma de curar? Deixando o orgulho de lado, a preocupação com ‘o que vão pensar de mim’, e esvaziar-se, confessando, falando, abrindo o coração. Mesmo que tudo comece como uma grande enchente de lágrimas. Mas, o principal, é resolver diretamente com as pessoas que foram as ‘responsáveis’ por esses sentimentos. Mesmo que, você mesmo tenha usado a imagem delas para justificar as suas próprias fraquezas e carências…

Mas, como toda doença é preciso estar em constante consulta com um ESPECIALISTA, e não há alguém mais especialista em alma do que o SENHOR DEUS.

Minhas lágrimas têm sido o meu alimento de dia e de noite (sofrimento na alma transbordando), pois me perguntam o tempo todo: “Onde está o seu Deus? ”
Quando me lembro destas coisas choro angustiado
(lembranças das feridas e das pessoas que a causaram). Pois eu costumava ir com a multidão, conduzindo a procissão à casa de Deus, com cantos de alegria e de ação de graças entre a multidão que festejava (lembrança dos tempos alegres também podem somar na tristeza).
Por que você está assim tão triste, ó minha alma? Por que está assim tão perturbada dentro de mim? Ponha a sua esperança em Deus! Pois ainda o louvarei; ele é o meu Salvador e o meu Deus.
”  Salmos 42.3-6

Até a minha alma está perturbada; mas tu, Senhor, até quando?.
Volta-te, Senhor, livra a minha alma; salva-me por tua benignidade. 
Porque na morte não há lembrança de ti; no sepulcro quem te louvará?
Já estou cansado do meu gemido, toda a noite faço nadar a minha cama; molho o meu leito com as minhas lágrimas,
Já os meus olhos estão consumidos pela mágoa, e têm-se envelhecido por causa de todos os meus inimigos.”
Salmos 6:1-7

Antes de desabafar com as pessoas, desabafe com Deus e Ele te ajudará a colocar suas emoções no lugar certo. Ele te ajudará a peneirar os sentimentos legítimos e te conduzirá a resolver cada dor com cada ofensor.

Somente Deus, que é Aquele que sonda e conhece o íntimo de nosso coração pode sarar nossas feridas com seu remédio chamado AMOR e PERDÃO!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s